Tá difícil… a escolha econômica do Extra

A embalagem A pizza

Silvio, de Santo André/SP, reclama que as informações na embalagem dos produtos de “escolha econômica” do supermercado Extra, inclusive as imagens, nem sempre descrevem corretamente o produto: 

A ilustração da embalagem induz à compra de uma deliciosa pizza de requeijão cremoso. A pizza real, na qual o requeijão mal distribuído parece ter sido derramado por acidente, nos faz repensar a decisão da próxima compra. Afinal, não há diferença significativa de preço entre esta marca e as outras.

Na embalagem também é exibido o seguinte mote: “A marca econômica é uma linha de produtos que combina preço baixo e qualidade justa”… Nem sempre…

Tá difícil… produtos e serviços do Itaú

Menu Itaú 

Ângelo, de Osasco/SP, reclama dos menus do site do Itaú e dos nomes usados pelo banco:

Outro dia eu estava pagando contas no site do Itaú e resolvi ver se eles podiam fazer um seguro para a minha empresa. Sou cliente faz pouco tempo, procurei “Seguros” ou “Serviços”, acabei vendo o “Produtos e Serviços” no menu, pensei, será que agora o Itaú também vende produtos, tem comércio eletrônico que nem o Bradesco, talvez venda aquela leitora de barras,  e cliquei. Aí veio uma tela com 2 listas enormes, uma para produtos e outra para serviços. Na lista de ‘produtos’ não tinha produto nenhum, tinha serviços normais de banco, como folha de pagamento e ordem de pagamento. Então, além das listas serem muito grandes, eu tenho que adivinhar se o banco chama o serviço dele de ‘produto’ ou de ‘serviço’ ou então procurar nas 2 listas. Em ‘produtos’ ainda tem uma parte de segurança, que pra mim não é serviço nem ‘produto’ nem nada, é obrigação do banco, nem devia estar na lista, só atrapalha quem está procurando um serviço deles.

No fim, não achei o seguro que eu estava procurando nem em ‘produtos’ nem em ‘serviços’ nem em nenhum lugar no site e tive que ir na agência pra ver. Pra terminar: a leitora de barras eles vendem sim, mas está em ‘serviços’…